Companhia alemã direciona esforços para aumentar presença da solução recém lançada SAP C/4HANA

Segundo o Gartner, o CRM se tornou um dos principais mercados de software com quase US$ 40 bi em receita em 2017. Para dividir o mercado com grandes players, a SAP lançou em evento mundial a nova solução de CRM C/4HANA, anunciando uma solução de CRM de 4ª geração. Na época do lançamento, em junho deste ano, o CEO da companhia, Bill McDermott, apresentou a estratégia como “um novo passo”. Segundo ele, o SAP C/4HANA teria como principal diferencial ser focado na experiência do cliente.

Depois de 10 mil clientes conquistados no mundo, o SAP C/4HANA é lançado no Brasil durante o SAP Forum. O anúncio reforça a estratégia da companhia em focar no Customer Experience (CX). “A experiência do cliente no centro da estratégia de negócio”, diz Alex Atzberger, presidente global de Customer Experience da SAP. “Se os clientes mudaram, as empresas também têm que adaptar suas estratégias. É preciso coletar e tratar dados que hoje se perdem”, reforça.

A solução SAP C/4HANA é um conjunto integrado moderno que permite que as empresas gerenciem a experiência completa do cliente.  Com base no SAP Customer Data Cloud, essa solução fornece a visão completa do cliente, orientada pela experiência, e permite integração dos dados que as empresas coletam e usam.

Para impulsionar a solução, que tem plataforma aberta, a companhia busca parceiros em todo o mundo que possam desenvolver soluções complementares. Além disso, busca alianças com universidades para treinamento e capacitação.

Atzberger cita um novo termo para definir o novo protagonismo do consumidor: Me2B. “Atualmente o consumidor está exercendo sua independência e assumindo o controle das relações com suas marcas favoritas. Eles não pensam mais em termos de B2B ou B2C. Eu defino isso como o mundo “Me2B”. E as implicações disto são claras: o cliente dita suas preferências e determina como eles interagem. Se eles não estão felizes com a experiência, eles não permanecem seja este cliente uma pessoa ou uma empresa”.

Essa é a economia na experiência e, segundo o executivo, para que sejam bem sucedidads, as companhias precisam antecipar a visão do cliente, usando os dados coletado e não tratados de forma a gerar mais engajamento. As conexões além da jornada de compra também são importantes. Todos os departamentos devem usar os dados em conjunto. Por fim, a conexão entre demanda e supply chain unindo o front e o back office complementa os pilares da estratégia de CX.

Empresa inteligente

Para que tenham foco no fornecimento da melhor experiência ao cliente, empresas devem executar seus processos administrativos de maneira eficiente e automatizada. Durante o evento, a companhia apresentou um portfólio de soluções SAP para suporte a processos de gerenciamento de compras e cadeia de suprimento enxutos e eficazes, mantendo, ao mesmo tempo, um trabalho suficiente e sob demanda. Processos simplificados eliminam a necessidade de intervenção manual, além de ter uma visão central de todos os dados que permite avaliar cada operação e melhorar o desempenho.

“A plataforma digital é a base fundamental para coletar e integrar dados de ativos, sensores, sistemas internos e provedores externos. As tecnologias inteligentes podem ser aplicadas em todos os tipos de negócios e permitem utilizar os dados para deixar a experiência do cliente agradável e divertida”, explica Fernando Migrone, diretor de Marketing da SAP Brasil.

Fonte: Infor Channel